sexta-feira, 13 de agosto de 2010

A Reflexão do Olhar

A Reflexão do Olhar. Considero este um dos nomes de magia mais legais da época do AD&D 2ª edição. Entitulei esta postagem assim mais como uma homenagem, pois há pouca relação com o assunto que quero abordar.

Camaradas, sei que estamos todos atarefados, com pouco tempo para atender a demanda de tudo aquilo que precisamos ou desejamos. Também sei que o grupo aos poucos está se fragmentando, pelos mais diversos motivos. Por isso o que quero pedir a vocês é apenas opcional, não se sintam na obrigação de realizar.

Pretendo conhecê-los melhor, na verdade diria confirmar minhas impressões. Não se trata de xeretar, mas de verificar minha percepção. Leiam com atenção e colaborem se quiserem.

COM QUE PERSONAGEM DE SCION VOCÊ SENTIRIA VERDADEIRA SATISFAÇÃO DE JOGAR? AQUELE PERSONAGEM DOS SONHOS, QUE VOCÊ SEMPRE QUIS UMA OPORTUNIDADE DE USAR?

Crie este personagem seguindo estritamente as regras de construção vistas em Scion: Hero. Gostaria que esta informação já fosse suficiente, mas como sei que vocês perguntariam de qualquer forma, adiantarei. Isso significa que:

- Attributes podem ter valor inicial de 5 dots sem gastar pontos de bônus;
- Virtues podem ser diferentes das originalmente oferecidas pelo Panteão;
- Knacks listados em Scion: Demigod, Scion: God, Scion: Companion e Scion: Ragnarök que não possuem pré-requisitos podem ser escolhidos;
- Quaisquer parâmetros sugeridos para construção de Relics mostrados na página 152 de Scion: Companion podem ser utilizados (incluindo os que somam Lenda às rolagens)

En Taro Adun!

13 comentários:

Meu Nome É Tonho disse...

Sugere o cenário antes que eu digo qual o personagem.

Se fosse, por exemplo, aquele da segunda guerra que Hugo narrou, eu ia com um negão do panteão egípcio, filho de Set.

Já no de Tiba, Chuck Bass e ponto final!

Pele-de-Escama disse...

Atual, caro Lucas, tal como descrito em Hero, contudo num momento em que a guerra não é iminente. As forças inimigas se fortalecendo, os deuses começando a recrutar suas proles.

Robert disse...

Sendo bem sincero eu gostei mesmo de Jack Lancaster's, mudaria na criação gastando os 10 pontos em knacks, e as relíquias seriam:
- uma arma (Desert Igue) que ela mimetizar sol 4.
- Uma Lente de contato, que Adiciona a percepção do pj na jogada de atck, ficando dest + arm e fog + percp + dest epc+ percp epd.(já que o acrescimo de percp é opc).

Renato Dantas disse...

Opa, se tiver vaga, eu quero.

Jogo com o Sawyer, o necromante necrófilo, mas com algumas alterações na ficha.

Renato Dantas disse...

Tibúrcio, recebesse meu e-mail?

vei tiba disse...

Só vi hj, já respondi, aguardo resposta.;)

DarkSaber disse...

vai ter outra mesa ? e oque acontece com a antiga ?? vai acabar ?

Robert disse...

Não fernanda é que temos que acabar esta historia que estou a narrar até Dezembro, e vai surgir uma nova.;)

Pele-de-Escama disse...

Lembrando, amigos, que minha proposta visa conhecê-los melhor (ou confirmar as impressões) a partir das aspirações e possibilidades que teriam se pudessem jogar com esses personagens que consideram como ideais para uma diversão plena e empolgante. Quando possível postarei aqui a ficha de um personagem que eu gostaria muito de poder usar, acho que me divertiria bastante. Da mesma forma, analisando-o vocês poderão conhecer um pouco mais sobre mim.

Pele-de-Escama disse...

Só um toque: minha proposta também tem como objetivo ver esses personagens efetivamente postados, para movimentar um pouco o blog.

Felipe disse...

Um personagem que tivesse água e gelo e soubesse dale tapa :D

Anão Picareta disse...

buenas!

Bem creio que com o que vou dizer já teras tua confirmação hehehe.

Bem o que se enquadraria nessa situação seria um demigod, (não imagino nehum em especial no momento em nivel hero). No caso Hero eu dependeria do cenário. Personagens que eu gosto de jogar são personagens que criam sua propria história e que agem deacordo com seus principios. Tou bem satisfeito com Ragnar por exeplo, mas pensarei em algo.

Pele-de-Escama disse...

Camaradas Tibúrcio e Renato, devo dizer que fiquei surpreso em saber que usariam os mesmos personagens da campanha de Diogo, pois tendo sido os primeiros que criamos para Scion com toda certeza cometemos alguns erros que evitaríamos se tivéssemos mais experiência. Por esse motivo entendo o desejo em mudar algumas escolhas que fizeram na criação desses personagens.

Lucas,

Não fazia ideia que pensássemos tão parecido. Mas acho que você exagerou um pouco: é verdade mesmo quando dizes que teu personagem seria quase a mesma coisa do meu? Pelo que te conheço imaginava que a escolha das Abillities, Boons e Birthrights seria outra bem mais criativa e eficaz.

Tibúrcio,

Acho que Sol 4 só seria permitido quando Jack se tornasse Demigod, mas concordo que é um poder muito bom de se escolher. E perceba o quanto Lucas está empolgado com Chuck, reflexo do bom encaminhamento que estás dando a crônica. Pena que há tão pouco tempo para concluí-la (até o fim do ano). Saiba que se quiser continuá-la no próximo ano meu empenho em interpretar Doc Black será mantido.

Diogo,

Bom, meu caro, havia pensado num personagem a nível Hero, mas se o tipo de personagem que te daria satisfação em interpretar só poderia sê-lo a nível Demigod, te incito a não desistir da ideia: poste-o para que possamos apreciar.

Felipe,

Faço uma imagem mental mesclando os dois personagens que já criasses e não tem como evitar pensar em tudo que ele poderia fazer. Iceman na cabeça!

Se puderem, postem. Até mais.

Follow the New World Order

Follow the New World Order
Follow the New World Order