domingo, 3 de julho de 2011

Status de Personagem (Scion): Randolph Carter Jr.

Saudações cordiais, camaradas.

Nesta postagem será registrada a evolução do personagem Randolph em cada sessão de jogo da Crônica "A Verdade Oculta".
_____________________________________________
1ª sessão (02/jul/2011): presente

Prelúdio: O Bug do Milênio
Capítulo I: Reivindicando meus Direitos de Nascença - Dodekhateon

XP recebidos: 5
XP gastos: nenhum
XP remanescentes: 5
XP totais: 5

*Basic Award (comparecimento): +4
*Bonus Award (interpretação): +1

Comentários: Dentre seus Birthrights, falta-lhe reivindicar sua Relic lv 1 "Portable High-Tech Heart Monitor", sua Relic lv 1 "Black Overcoat", sua Relic lv 1 "Portable Three Axes EMF Meter" e seus Followers lv 1 "(2 Beat Cops, 3 Cheval)"; veste roupas sociais que remetem à imagem do Baron Samedi; carrega um maço de cigarros e uma garrafa de rum que lhe foram dados por Pangea em nome do Baron Samedi.
_____________________________________________
2ª sessão (11/set/2011): presente

Capítulo I: Reivindicando meus Direitos de Nascença - Dodekhateon

XP recebidos: 5
XP gastos: nenhum
XP remanescentes: 10
XP totais: 10

*Basic Award (comparecimento): +4
*Bonus Award (interpretação): +1

Comentários: Nada significativo.
_____________________________________________
3ª sessão (02/out/2011): presente

Capítulo II: Reivindicando meus Direitos de Nascença - Aesir

XP recebidos: 6
XP gastos: 1
- Gasta 1 XP para comprar Occult 2
XP remanescentes: 15
XP totais: 16

*Basic Award (comparecimento): +4
*Bonus Award (interpretação): +1
*Bonus Award (personificação): +1

Comentários: Tornou-se portador da Relic lv 5 "Desert Eagle" que até então pertencera a Chuck Bass.
_____________________________________________
4ª sessão (09/out/2011): presente

Capítulo II: Reivindicando meus Direitos de Nascença - Aesir
Capítulo III: Reivindicando meus Direitos de Nascença - Loa

XP recebidos: 8
XP gastos: 10
- Gasta 1 XP para comprar Academics 2
- Gasta 4 XP para comprar Cheval 1 (Rada's Eyes)
- Gasta 5 XP para comprar Cheval 2 (Petro's Hands)
XP remanescentes: 13
XP totais: 24

*Basic Award (comparecimento): +4
*Bonus Award (interpretação): +1
*Bonus Award (personificação): +1
*Bonus Award (bom trabalho em equipe): +1

Comentários: Foi alvo de uma experiência de quase-morte quando se encontrou com Odin, que o espatifou com um pisão e resgatou a Relic lv 5 "Desert Eagle" que deveria estar em posse de Chuck Bass; Reivindicou sua Relic lv 1 (Portable High-Tech Heart Monitor).
_____________________________________________
5ª sessão (??/out/2011):

Capítulo III: Reivindicando meus Direitos de Nascença - Loa

XP recebidos:
XP gastos:
XP remanescentes:
XP totais:

*Basic Award (comparecimento):
*Bonus Award (interpretação):

Comentários:
_____________________________________________

En Taro Adun!

4 comentários:

Meu Nome É Tonho disse...

Dúvida:

Vai haver mudanças na forma de comprar os Boons?

Terei de comprar o nível 2 de Death pra comprar o nível 3?

Pele-de-Escama disse...

Não, Lucas, podes usar o procedimento previsto nas regras normalmente. A mudança que fiz foi para estimular a aquisição de Boons na fase de criação da ficha e deixá-la mais justa.

Lembro apenas que como Randolph não possui as quatro Virtudes originais do Panteão Loa o custo para comprar os Boons ofertados pelo Baron Samedi aumenta em 1 XP. Esta penalidade é a sugerida pelo livro (vide Scion: Hero, pág 119).

As melhores chances para compensar esta dificuldade será procurar mentores no Panteão Egípcio.

Meu Nome É Tonho disse...

Se eu tiver um mentor no panteão egípcio não terei penalidade pra comprar Boon?

E o Barão Samedi não vai me deserdar?

Pele-de-Escama disse...

O Panteão Egípcio é o que possui maior afinidade com o Loa. Se em algum momento Randolph precisar de conhecimento e instrução que não esteja facilmente acessível a seu Panteão, as melhores chances de obtê-los serão com os egípcios.

Naturalmente, isso não ocorrerá sem um bom trabalho de estabelecimento de contatos e alianças importantes, incluindo o cumprimento de missões para o Panteão Egípcio. O Panteão Loa não verá isso com bons olhos, e o mais incomodado será o Baron Samedi.

A questão a ser analisada aqui pode ser expressa da seguinte forma: "Que droga, Pai! Quero aprimorar minhas habilidades e vocês ficam dificultando as coisas. Encontro alguém disposto a me ajudar naquilo que busco e vocês ficam irritados?"

A pergunta é: vale a pena ficar malquisto em seu próprio Panteão apenas porque aprender os poderes será mais fácil se buscar auxílio em outro?

Follow the New World Order

Follow the New World Order
Follow the New World Order